• eolor

Juliette lança seu primeiro EP e videoclipe

"Juliette" tem 6 (seis) faixas e "Diferença Mara" conta com clipe dirigido por Giovanni Bianco

"Juliette" tem 6 (seis) faixas e "Diferença Mara" conta com clipe dirigido por Giovanni Bianco

Créditos

Direção Criativa: Giovanni Bianco

Foto: Fernando Tomaz

Styling: Rita Lazzarotti

Beleza: Silvio Giorgio


Juliette cantora está entre nós! Para dar início a sua carreira na música, Juliette preparou um projeto especial com 6 (seis) canções inéditas. O EP foi desenvolvido como a primeira amostra musical da cantora e gravado entre as cidades do Rio de Janeiro, Salvador, João Pessoa e Recife. "A música traduz sentimentos e dá sentido à vida. É a fala da alma. A música é uma forma poética de traduzir essa magia que é o ser humano. Eu sou louca por música e agora estou tendo o tempo e a oportunidade para me dedicar a esse sonho e eu fico grata demais", diz Juliette.

A estreia musical de Juliette já é o maior lançamento nacional da história do Spotify, figurando no topo da lista dos discos e EPs que mais foram tocados em suas primeiras 24 horas de vida. Outro marco impressionante do trabalho é que, com os seus 5,9 milhões de plays, "Juliette" teve a segunda maior estreia global da história da plataforma, perdendo apenas para o disco "Chromatica", da americana Lady Gaga. Enquanto isso, todas as músicas do EP de Juliette estrearam direto no top 15 das faixas mais tocadas do Spotify Brasil. Os números são confirmados pela Virgin Music Brasil, empresa responsável pela distribuição do lançamento.

Os dias anteriores ao lançamento de "Juliette" já previam o sucesso: antes mesmo do lançamento, a cantora tinha arrecadado mais de 600 mil pre-saves nas plataformas digitais, estabelecendo um novo recorde nacional. Só no Spotify, foram mais de 222 mil pre-saves realizados na plataforma - dez vezes a mais que o recordista anterior, o disco "DOCE 22", da cantora Luísa Sonza. Com seis canções inéditas, a estreia musical de Juliette foi desenvolvida por ela, em parceria com um time que une na produção e composição músicos paraibanos e nomes já conhecidos por hits no cenário nacional.

Esse é o primeiro lançamento da artista recém contratada pela Rodamoinho Records, em com a distribuição da Virgin Music Brasil. "Juliette" é um EP com seis canções e que apresenta, em sua ficha técnica (em composição e produção), por exemplo, nomes conhecidos como Umberto Tavares, Rafinha RSQ e Anitta, mas também conterrâneos e amigos de Juliette como Juzé, Dann Costara e Toim do Gado.

"Foi um trabalho muito diferente do que eu já tinha feito (produzir esse projeto). Fizemos uma colaboração de artistas que estavam longe uns dos outros - em Miami, Salvador, João Pessoa e Rio de Janeiro, por exemplo. A sintonia e a vontade de todos de fazer um trabalho verdadeiro foi o que deu sentido e forma para esse EP", diz Juzé, paraibano amigo de longa data de Juliette e responsável pelo alinhamento musical de sua carreira.

Nas letras do projeto estão presentes temas como o amor, as dificuldades e prazeres da vida e a relação de Juliette com as suas origens e a cultura nordestina. "Sempre gostei de música e de cantar. A arte tem um espaço especial no meu coração. É uma emoção gigante criar esse projeto, meu primeiro, ao lado de pessoas tão importantes e talentosas. Construir todo esse meu universo é um sonho", diz Juliette .

Segunda faixa da tracklist, "Diferença Mara", foi a escolhida para ganhar um videoclipe, com direção de ninguém menos que Giovanni Bianco. O vídeo chega ao canal oficial de YouTube de Juliette no dia 6 de setembro, ao meio-dia.


Sobre o vídeo, o diretor comenta: "Gravar esse clipe foi um momento muito emocionante. Era um sonho para mim desde o primeiro momento em que vi a Juliette. Ela é uma pessoa que tem o ‘coração na frente’ e eu tenho uma ligação forte com pessoas assim. Além de tudo, ela ama arte. Eu tô muito feliz de ser a pessoa a dirigir o primeiro videoclipe dela - é uma honra sem tamanho. Ela é um talento inacreditável e muito maior do que ela acredita" .

Nele vemos uma pluralidade de corpos, pessoas e identidades se entrelaçando e imageticamente dando sentido às diferenças que, juntas, formam o que somos como sociedade. O estilo é assinado por Rita Lazzarotti e a beleza por Silvio Giorgio.

"Juliette ama a câmera e a câmera ama ela. Isso é uma coisa fantástica. Ela tem uma naturalidade tão linda e verdadeira que é emocionante. Quando você vê uma artista que os olhos brilham e cantam é orgânico, natural e a verdade vence! A Juliette é a Juliette e ela é única. Deus deu a ela esse talento e ela está sabendo usar da melhor forma. Ela vai chegar muito mais longe do que a gente imagina!", Giovanni completa.

Acompanhe tudo que acontece no mundo do cinema, música e TV. Siga o eolor no Instagram.