Na China, diálogo gay é retirado do filme “Animais Fantásticos 3” para lançamento no país

O diálogo que foi editado faria alusão ao passado romântico entre os personagens masculinos Dumbledore (Jude Law) e Grindelwald (Mads Mikkelsen).

(Foto: Warner Bros.)


A autora de “Harry Pottere” JK Rowling revelou que Dumbledore era gay em 2009, mas os filmes nunca haviam referenciado explicitamente a sexualidade do personagem até este terceiro filme da franquia “Animais Fantásticos”. A Warner Bros. aceitou o pedido da China para remover seis segundos do filme. As linhas de diálogo “porque eu estava apaixonado por você” e “o verão que Gellert e eu nos apaixonamos” foram cortadas do lançamento de “Os Segredos de Dumbledore”. O resto do filme permaneceu intacto, incluindo o entendimento de que Dumbledore e Grindelwald compartilham um vínculo íntimo.


“Como estúdio, estamos comprometidos em proteger a integridade de todos os filmes que lançamos, e isso se estende a circunstâncias que exigem cortes sutis para responder com sensibilidade a uma variedade de fatores do mercado”, disse a Warner Bros. declaração à Variety. “Nossa esperança é lançar nossos recursos em todo o mundo conforme lançado por seus criadores, mas historicamente enfrentamos pequenas edições feitas em mercados locais.”


"No caso de 'Animais Fantásticos 3', um corte de seis segundos foi solicitado e a Warner Bros. aceitou essas mudanças para cumprir os requisitos locais, mas o espírito do filme permanece intacto", acrescentou o comunicado. “Queremos que o público em todo o mundo veja e aproveite este filme, e é importante para nós que o público chinês tenha a oportunidade de experimentá-lo também, mesmo com essas pequenas edições.”


Os Segredos de Dumbledore” ganhou a corrida de bilheteria na China durante seu fim de semana de estreia. A sequência estreou na China em 8 de abril, uma semana antes do lançamento do filme em 15 de abril nos EUA. 63% de participação de mercado em um fim de semana no valor de apenas US$ 15,5 milhões.