Na Arábia Saudita, Disney se recusa a cortar diálogo de 'Doutor Estranho 2' sobre mães lésbicas

Na região, filmes sobre sexo, homossexualidade e questões religiosas são rotineiramente cortados para cumprir as regras de censura.

(Foto: Marvel Studios)


O conselho de classificação de cinema da Arábia Saudita está contestando relatos de que o próximo filme da Marvel “Doutor Estranho 2: no Multiverso da Loucura” foi banido no país devido a um personagem gay interpretado por Xochitl Gomez. O filme encontra a atriz de “The Baby-Sitters Club” fazendo sua estréia como América Chavez no Universo Cinematográfico da Marvel. Nawaf Alsabhan, supervisor geral de classificação de cinema da Arábia Saudita, disse à AFP que a Disney não está disposta a remover “apenas 12 segundos” do filme em que a personagem de Gomez se refere a suas “duas mães”.


“É apenas ela falando sobre suas mães, porque ela tem duas mães”, disse Alsabhan. “E estando no Oriente Médio, é muito difícil passar algo assim. Enviamos para o distribuidor, e o distribuidor enviou para a Disney, e a Disney nos disse que não está disposto”.


Alsabhan disse à AFP que “Doutor Estranho 2” “nunca será banido”, acrescentando: “Não há razão para banir o filme. É uma edição simples... Até agora eles se recusaram. Mas não fechamos a porta. Ainda estamos tentando.”


“Doutor Estranho 2: no Multiverso da Loucura” foi inicialmente programado para ser lançado na Arábia Saudita e em outros países do Golfo em 5 de maio. Na região, filmes sobre sexo, homossexualidade e questões religiosas são rotineiramente cortados para cumprir as regras de censura. O último grande filme da Marvel lançado no ano passado, “Eternos”, foi banido na região devido a uma cena com um beijo gay.


A Warner Bros. virou notícia em vários países no início deste mês depois de concordar em remover as referências gays de “Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore” para garantir um lançamento na China.


“Queremos que o público em todo o mundo veja e aprecie este filme, e é importante para nós que o público chinês tenha a oportunidade de experimentá-lo também, mesmo com essas pequenas edições”, disse a Warner Bros. à Variety sobre a decisão.


“Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” tem seu lançamento marcado no Brasil para o dia 4 de maio.